Governo deve começar articulação contra denúncia

Por Letícia Valadares

Após o Supremo Tribunal Federal (STF), aprovar o envio da denúncia contra o presidente Michel Temer à Câmara dos Deputados, na quinta-feira (21), o governo deve começar a articular com a base aliada e analisar os pedidos de cargos e emendas parlamentares.

Na primeira denúncia contra Temer, o governo teve que redesenhar os espaços no seu segundo e terceiro escalão, para poder premiar os parlamentares fiéis e encerrar o caso. O responsável pelas articulações, provavelmente será o atual  ministro da Secretaria de Governo, Antonio Imbassahy.

Na semana que vem, a Casa iniciará as articulações para a escolha do relator da denúncia na CCJ. O PMDB ensinou uma pressão sobre Rodrigo Pacheco (PMDB-MG), presidente da comissão, mas não surtiu efeito. O presidente da primeira denúncia, deputados Paulo Abi-Ackel (PSDB-MG), já afirmou não está interessado em repetir o feito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *