Bonifácio demonstra que defenderá sua posição a favor de Temer

Por Gabriela Mestre

Com supervisão de Lucas Lyra

O relator da segunda denúncia do presidente Michel Temer, Bonifácio de Andrada (PSDB-MG) rebateu as diversas críticas advindas da sua posição defensora do presidente peemedebista. Nessa terça-feira (10), após a entrega da relatoria rejeitando a denúncia, o deputado disse que se embasou em normas e bom senso jurídico e alegou estar “pronto para enfrentar quem quer que seja para debater a questão”.

Andrada já havia votado a favor de Temer durante a primeira denúncia feita pela Procuradoria-Geral da República, que não prosseguiu no Congresso. Depois da entrega de sua relatoria na terça-feira, deputados da oposição comentaram que a defesa de Temer não precisaria ao menos se manifestar devido ao parecer.

Desde a escolha do deputado Rodrigo Pacheco (PMDB), presidente da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), que entregou a relatoria a Bonifácio, houve conflitos parlamentares. Seu próprio partido retirou sua cadeira do parlamento para atingir a relatoria, mas Bonifácio retomou seu espaço com ajuda do Partido Social Cristão. Atualmente, há quem se refira ao deputado no Palácio do Planalto como “nosso relator”.

Bonifácio argumentou seu parecer dizendo que a acusação do presidente diz respeito a fatos anteriores a 2016. A relatoria teve um pedido de vista, o que prevê prorrogação de sua análise, e a denúncia deverá ser votada na próxima semana. Temer é acusado de organização criminosa e obstrução de justiça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *