Cássio Cunha Lima sobre Aécio: “É uma decepção atrás da outra”

Por Lucas Lyra

 

O vice-presidente do PSDB, senador Cássio Cunha Lima (PB), criticou nesta sexta-feira (10), a movimentação de Aécio Neves que tirou o senador Tasso Jereissati (CE) da presidência do partido. Se dizendo decepcionado, Cássio afirmou que “é preciso que a política brasileira mude radicalmente. E o que o senador Aécio fez não conta com minha aprovação. É uma decepção atrás da outra”.

A crítica vem um dia após Aécio, presidente afastado da sigla, afastar Jereissati, que ocupava o cargo interinamente, sobre o pretexto de “isonomia” política dentro do PSDB, já que em dezembro, no pleito presidencial partidário, Jereissati e o governador de Goiás, Marconi Perillo, que tem apoio de Aécio, disputarão entre si.

Cássio aproveitou a oportunidade para reafirmar a distância programática do PSDB com o governo federal. “Pelo menos o PSDB tem sido o único partido que tem feito autocrítica e que já pediu humildemente desculpas à opinião pública pelos erros cometidos pelo sistema político brasileiro”, disse.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *