Em Alto Araguaia, juiz põe fim a caso de perseguição política

 

 

Um caso típico da velha política de baixo nível em Mato Grosso pode estar chegando ao seu termo final no município de Alto Araguaia, com a decisão liminar do juiz da 2ª Vara, Adalto Quintino da Silva, em suspender portaria editada pelo atual prefeito Gustavo de Melo (PSB), que exonerou a funcionária pública Martha Maia Brandão.
Martha Brandão, assistente social do município e de família com tradição na política local, foi exonerada do cargo pelo prefeito Gustavo, em março deste ano, sob alegação de improbidade administrativa.
Em 2017 foi instaurada uma sindicância contra Martha, por ter ela, supostamente, furado a fila em atendimento de prótese dentária para algumas pessoas. Por falta de provas, o processo foi arquivado. Insatisfeito, o prefeito Gustavo decidiu por um processo administrativo disciplinar para demitir Martha.

O caso ganha conotação política, entendem defensores de Martha, por ser ela forte candidata a suceder o prefeito Gustavo. Daí, a perseguição implacável de abrir um processo administrativo por suposta “prática de conduta duvidosa” e, assim, tornar Martha ficha suja, inelegível para as eleições municipais de 2024.
Abuso de poder

Martha é filha do ex-prefeito de Alto Araguaia, Silvio de Castro Maia, e esposa do ex-prefeito de Jangada, o advogado Hélio Brandão. Conforme Hélio, houve abuso de poder por parte do prefeito e documentos foram forjados para dar “ar de legalidade” ao processo.

A decisão liminar agora será encaminhada ao Ministério Público do Estado. Martha Brandão foi secretária de Saúde na gestão do irmão Maia Neto e já disputou duas eleições, à prefeitura de Alto Araguaia e a deputada.
“Martha é uma forte candidata a prefeita para as próximas eleições. Além da tradição política familiar, ela tornou-se uma liderança junto à comunidade de Alto Araguaia, e isso vem incomodando o prefeito”, disse uma fonte.

Da Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *